/home/claudio

Digital DETOX week

Posted in 'Baixa' Gastronomia, Escalada, Música by cbrisighello on abril 16, 2009

Semana que vem rola a “Digital DETOX week” (semana da desintoxicação digital). Trata-se de uma campanha internacional, que por muitos anos foi chamada de “TV Turnoff Week”. Com a “evolução” dos tempos, o mesmo veneno que bebemos na TV foi se espalhando pela internet e outros “gadjets”, seja na forma de sites de relacionamento, bate-papos virtuais, mega-portais de notícias obcecados por click$/audiência, mega-lojas virtuais onde se compra desde um ramo de alface até uma geladeira, mecanismos de pesquisa envenenados por marketing corporativo e fichamento populacional,  centenas de músicas e vídeos que agora cabem na palma da sua mão, jogos multi-player viciantes que prendem verdadeiras massas, home-theaters embelezando o centro da sala de estar, etc – a lista é inesgotável e por isso mudou-se o nome da semana da TV desligada, por motivos de abrangência óbvios. Essa multimída toda pode ter lados bons, mas o foco da campanha é na parte fedorenta, pela primeira vez em época de crise mundial, quando existe uma sensibilidade maior à transformações nos modos de vida.

The Kleptones – Revolverlution

Ficar uma semana sem usar a TV, o Google, o Orkut/Facebook, o Messenger, o Blogger, o Youtube, o iPod, ou qualquer tralha digital que se alimenta de momentos da vida. Fazer o “post” de sua história no velho botequim do bairro com uma nova amizade, sentir as emoções de um bom papo sendo vistas na expressão de um rosto, numa boa gargalhada mútua e intraduzível através de emoticons, ficar triste de verdade e experimentar a solidão, escrever uma carta manuscrita, levar a namorada ao cinema, andar de bike com os filhos, curtir um alto e bom som ao vivo, correr na chuva, sentir-se fisicamente esgotado, comer e beber bem devagar, sentindo a cor, cheiro e sabor das coisas. Apesar do tom imperativo, são apenas simples e humildes idéias para ilustrar a mensagem – preencha sua vida “desplugada” por 7 dias.


Tagged with:

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. Redes “sociais”? « /home/claudio said, on março 26, 2011 at 10:33 pm

    […] É apenas um lembrete sobre como a ferramenta se encaixa às implicações da vida moderna (falta de tempo, voyeurismo, status social, exibicionismo do ego, fofocas, etc.), e não nego as boas intenções como reencontrar pessoas ou compartilhar coisas bacanas independente da barreira da distância.  Já fiz o meu balanço e não tenho mais conta no Orkut ou Facebook, mas quem sou eu para tomar partido se aqui estou com um blog? Enfim, cada um escolhe o seu nível de intoxicação digital… […]


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: